quarta-feira, 19 de dezembro de 2018

Toffoli derruba decisão de Marco Aurélio e condenados em segunda instância continuarão presos


O ministro Dias Toffoli,  presidente do (STF),  derrubou  agora, à tarde, a decisão do ministro Marco Aurélio Mello que liberava os presos condenados em segunda instância.
Por causa da decisão de Marco Aurélio, a procuradora-geral da República Raquel Dodge recorreu a Suprema corte. Era o ministro Toffoli, justamente o presidente da Casa, quem estava de plantão e derrubou a decisão do colega Marco Aurélio.
sentença de  Toffoli  suspende a decisão de Marco Aurélio até 10 de abril  de 2019, quando o STF julgará  tema em definitivo. 
Se vingasse decisão de Marco Aurélio nada menos do que 169 mil pessoas sentenciadas com prisão seriam libertadas, entre eles o ex-presidente Lula.

Nenhum comentário:

Bolsonaro cumpre promessa de campanha e libera posse de armas

Presidente Jair Bolsonaro acaba de assinar o decreto que flexibiliza o estatuto do desarmamento permitindo que o cidadão possa comprar ar...