terça-feira, 1 de maio de 2018

Ministério Público dá parecer pela cassação de Davi

O ministério Público Eleitoral emite parecer a favor da cassação do senador Davi Alcolumbre (DEM). O documento foi assinado pelo vice-Procurador Geral Eleitoral, Humberto Jacques de Medeiros. O parecer será devolvido ao Tribunal Superior Eleitoral para julgamento. Esta já é a última instância. Se Davi foi condenado, perde o mandato.
Esse imbróglio é das eleições de 2014. A coligação do então candidato Gilvam Borges que ficou em segundo lugar, entrou com ação na justiça eleitoral alegando irregularidades na prestação de contas de Davi. Ele teria fraudado notas fiscais entre outras. Antes de seguir para Brasilia o processo foi julgado pelo TRE-AP que deu ganho de causa a Davi, mas houve recurso ao TSE.
Ontem, Davi soltou uma nota dizendo que os derrotados de 2014, serão novamente derrotados na justiça. Ele atacou dizendo que agora querem ganhar no tapetão.
Caso ocorra a perda do mandato de Davi, Gilvam Borges, assumirá o posto.

Nenhum comentário:

Os vizinhos

Dom Pedro José Conti -  Bispo de Macapá Conta Madre Teresa de Calcutá: “Certa noite, um senhor veio na nossa casa para pedir comida p...