segunda-feira, 19 de março de 2018

Igreja de São José 257 anos

A história

As obras da igreja iniciaram em 1752, 6 anos antes de Macapá ser transformada em vila, mas só foi inaugurada 9 anos depois, em 1761. Portanto, no último dia 6, a igreja completou 257 anos. É o mais antigo prédio de Macapá. A inauguração foi um acontecimento no povoado porque veio de Belém o bispo Dom Miguel de Bulhões, a maior autoridade da igreja na região. O pároco era o padre Joaquim Pair. As obras da nova igreja foram supervisionadas pelo famoso arquiteto e preferido da coroa portuguesa, Antonio Giuseppe Landi que havia sido levado para Belém para construir a nova sede da coroa na Amazônia.
A primeira versão do prédio da igreja era ao estilo inaciano muito utilizado nas igrejas portuguesas da época. Landi deu um toque neoclássico na nova obra. Ao longo dos anos várias reformas foram realizadas. 
Por cerca de 40 anos a paróquia ficou sem vigário e só em 1904 que o intendente Teodoro Mendes e o pároco padre Francisco Willer se juntaram para fazer a reforma da igreja. Anos depois outras mudanças foram feitas na estrutura do prédio. 

Padres do PIME modificam a arquitetura

Com a chegada dos padres do PIME - Pontifício Instituto das Missões Estrangeiras, novas modificações foram implementadas o que descaracterizou a arquitetura original. Antes um portal só, a reforma colocou três. Também foi alterada a estrutura da torre. Por causa dessas modificações é que o IPHAN não reconhece a igreja como patrimônio histórico nacional. 

Imagem original do padroeiro São José foi confeccionada em Portugal, esculpida em madeira e mede 35 centímetros de altura e é uma das relíquias mais importantes do Amapá.

Nenhum comentário:

Wagner Gomes questiona pesquisa CTB

"A pesquisa feita pela Mentor, a mando da CTB, me pareceu bastante estranha e contemporânea", me disse o advogado Wagner Gomes, ...