domingo, 8 de outubro de 2017

Cirio 2017: Mais de 150 fiéis caminham pelas ruas de Macapá em homenagem a N.Sa. de Nazaré

Dom Pedro Conti, Bispo Diocesano de Macapa celebra a missa campal
  • O sol estava brilhando. Uma manhã típica do verão amazônico. Os fiéis se aglomeram em frente a igreja de Nossa de Fátima, no bairro Santa Rita, para participar da Santa Missa, celebrada por Dom Pedro Conti e padres convidados na abertura do Cirio de Nazaré 2017. Uma tradição que remonta que remonta ao inicio do século 20.
    Promotor Moisés Rivaldo, secretário de Educação da PMM
    É hora da comunhão


    Serva da igreja carregando a cruz, identificando o lugar da comunhão
  • A primeira procissão do Cirio de Nazaré foi realizada em 4 de novembro de 1934, quando as religiosas da Congregação das Filhas do Coração Imaculado de Maria, ao  comando da senhora Ester Benoniel Levy, esposa do então intendente major Moisés Eliezer Levy, resolveram organizar a festa em Macapá. Apesar da cidade já ter seu padroeiro, São José, cuja festa é realizada todo dia 19 de março, a concentração de romeiros do Círio de Nazaré em Macapá é muito maior. O volume de fiéis que acompanham o Cirio vem crescendo desde a criar ao do Território quando muitos paraenses para cá vieram e mantiveram tradição.( Olimpio Guarany com informações de Edgar Rodrigues).
  • Veja mais fotos do Cirio de hoje, 8 de outubro de 2017.
  • N.Sa. Nazaré na berlinda

    Pagadora de promessa

Nenhum comentário:

Wagner Gomes questiona pesquisa CTB

"A pesquisa feita pela Mentor, a mando da CTB, me pareceu bastante estranha e contemporânea", me disse o advogado Wagner Gomes, ...