segunda-feira, 16 de julho de 2012

Justiça Eleitoral condena dois candidatos a prefeito e a vereador.



Decisão da Jusiça eleitoral condenou dois candidatos a prefeito e um a vereador e ainda penalizou os partidos acusados de propaganda antecipada.
O MP alegou que os VTs veiculados em horário gratuito foram pagos com recursos públicos, mas foram usados para promoção pessoal dlos candidatos. 
De acordo com a decisão, o DEM terá redução do tempo total de 25 minutos de propaganda partidária, equivalente a cinco vezes o tempo da inserção ilícita. O candidato a vereador Jaime Silva deverá pagar multa de R$ 6.205,00, igual ao valor pago pelas inserções e o prefeito Roberto Góes terá que pagar multa de R$ 95.740,39, mesmo valor pago em inserções televisivas. Já o PSOL terá a redução do tempo total de 75 minutos, cinco vezes o tempo da inserção ilícita, e o candidato Clécio Luis terá de pagar multa de R$ 18.615,00.
Os condenados ainda podem recorrer.

Nenhum comentário:

Bolsonaro cumpre promessa de campanha e libera posse de armas

Presidente Jair Bolsonaro acaba de assinar o decreto que flexibiliza o estatuto do desarmamento permitindo que o cidadão possa comprar ar...