quarta-feira, 11 de julho de 2012

Coluna OLIMPIO GUARANY ESCREVE, em A Gazeta


Limpando a pauta
Chiadeira pra todo lado, mas o certo é que aproximadamente 600 assessores da Assembléia Legislativa foram exonerados, ontem, pelo presidente em exercicio deputado Junior Favacho. Não é confirmado, mas dizem que a maioria tem a ver com o presidente e secretário afastados, Moisés Souza e Edinho Duarte. A conferir.
Cheque em branco
Governador Camilo Capiberibe quer que a Assembléia autorize o remanejamento de 30% do orçamento estadual, algo em torno de R$ 1 bilhão. Em outras palavras o governo quer um cheque em branco tirar de qualquer rubrica e  gastar no que quiser. Marilia Góes pulou e quer, ao menos, que o governo diga em que vai gastar toda essa baba.
Aqui com os meus botões...
Se o Governo for autorizado a remanejar R$ 1 bilhão do orçamento daria para tirar um pedaço para pagar o piso dos professores já que na rubrica da educação ele alegava que não tinha recursos. Agora terá.
Em outro ninho
Depois de sofrer um revés dentro de seu partido quando tentou lançar candidatura própria, à revelia da decisão da  direção Nacional do PSDB, Jorge Amanajás pode bater asas e pousar em outro ninho. O rumo é mais à esquerda, na raia comunista.
Acertando os ponteiros
Amanhã, quinta, 12,  Evandro Milhomem, candidato do PC do B, recebe Jorge Amanajás em seu comitê, em Macapá. A agenda foi acertada ontem. Milhomem ficou tão entusiasmado com a possibilidade do apoio que até ofereceu a sigla caso JA deixe o PSDB.
Chapa tucana
Noticia ruim é assim, corre rápido. O bizu era de que teria havido uma revoada de candidatos tucanos insatisfeitos com os fatos ocorridos nos últimos dias e que teriam deixado praticamente só o Marcelo Dias e Jaime Peres na chapa.
Chapa tucana II
Na verdade, ontem a noite, em reunião na sede do PSDB, 28 candidatos confirmaram que vão participar da disputa. O vereador Marcelo Dias, entusiasmado, disse que a chapa é forte e que todo mundo está motivado para participar das eleições.
Gasolina
Se ocorrer uma super safra de cana de açucar em 2012 é quase certo que o Ministério das Minas Energia vai autorizar o aumento de 20% para 25% na adição de acool anidro na gasolina.
Intercâmbio 
O presidente da Companhia Docas de Santana, Riano Valente, recebeu, ontem, a visita do presidente do porto de Cabedelo na Paraíba, Wilbur Holmes Jácome. Durante encontro houve troca de informações sobre o funcionamento e potencialidades dos portos, visando uma possível parceria de navegação de cabotagem.
Vanguarda
A Cianport - Companhia Norte de Navegação e Portos que tem à frente, no Amapá, Gilberto Coelho, já inicou as obras de construção dos silos no porto de Santana. A empresa vai construir um outro porto de transbordo na ilha de Santana, e instalar uma industria de beneficiamento de grãos naquela localidade.
Na internet
Dos quatro candidatos postos em Santana, Marcivânia Flexa (PT) foi a primeira a lançar a campanha pelas redes sociais, via facebook. Anteontem pipocavam seus baners com uma foto bem trabalhada num aplicativo conhecido como photoshop. 
Rôxo
Por decisão da própria Marcivânia todo o seu material de campanha terá a predominância do rôxo em detrimento do vermelho, cor tradicional do PT. O material que está na internet apresenta a candidata petista à prefeitura de Santana também vestida de rôxo.
Novos procuradores
Desde segunda,9, já estão na ativa dois novos procuradores do Ministério Público Federal. Almir Teubl Sanches e Miguel de Almeida Lima serão representantes da 5ª e 1ª
Câmara de Coordenação e Revisão que tratam dos temas Patrimônio
Público e Social e Constitucional, respectivamente.Eles substituem a  Rodrigo Costa
Azevedo que deixa o estado para atuar no Paraná e Celso Costa Lima Verde
Leal, que vai para o Ceará.
Quem são eles?
Almir Teubl Sanches é de São Paulo, formou-se em
Direito na USP, em 2003 e é mestre e doutorando em Filosofia do Direito.
Miguel de Almeida Lima é do Rio de Janeiro. Formou-se em
Direito, em 2000, na UNB, trabalhou no Supremo Tribunal
Federal. Foi Procurador da Fazenda Nacional e trabalhou na Defensoria
Pública da União.
MP x AL
O Ministério Público Estadual entrou na justiça, na última sexta,  6, com denúncia contra os deputados estaduais Edinho Duarte (PP) e Moisés Souza (PSC) e mais onze pessoas por supostos atos ilícitos praticados na contratação da Cooperativa de Transportes do Amapá – TRANSCOOP. 
AL x MP
O desembargador Carmo Antonio indeferiu pedido de liminar da Procura Geral de Justiça Ivana Cei que pedia a anulação da portaria da AL que fixou as regras para o processo de destituição da chefa do Ministério Publico e anulação de todo e qualquer ato que iniciasse o processo de destituição dela.

Nenhum comentário:

Wagner Gomes questiona pesquisa CTB

"A pesquisa feita pela Mentor, a mando da CTB, me pareceu bastante estranha e contemporânea", me disse o advogado Wagner Gomes, ...